Especial

EDUCAÇÃO SATHYA SAI: 
PRECIOSA DÁDIVA DIVINA PARA A HUMANIDADE

Dr. Narendranath Reddy

A educação precisa ser combinada com Educare. Só então vocês experimentarão bem-aventurança. Qual é a diferença entre “Educação” e “Educare”? A primeira é como água insípida e a segunda é como açúcar. Não basta adicionar açúcar para a água ficar doce. Só depois de mexer, o açúcar se mistura e adoça a água. O coração é o copo, a divindade é o açúcar e a educação secular é a água sem gosto. Com a inteligência como colher e a investigação como o processo de misturar, experimentamos a divindade que a tudo permeia. Esta é a verdadeira sabedoria que nos habilita a reconhecer a unidade de toda a criação.

− Sathya Sai Baba, 20 de novembro de 2001

 

Bhagavan Sri Sathya Sai Baba é o mestre universal. Sua vida é Sua mensagem e Sua mensagem é amor. Esta mensagem de amor transcende todas as barreiras de nacionalidade, religião, etnia, cultura, tempo e espaço. Em Seu infinito amor e compaixão, Ele ofertou o programa de Educação Sathya Sai a toda a humanidade. A quintessência dos ensinamentos de Baba está contida nos cinco valores humanos fundamentais, inatos em todo ser humano - sathya (Verdade), dharma (Retidão), santhi (Paz), prema (Amor) e ahimsa (Não violência). A correnteza subterrânea que conduz todos esses valores é o Amor. Amor em pensamentos e palavras é verdade, amor em ação é conduta correta, nos sentimentos, é paz e na compreensão é não violência. Amor é o poder maior que consola todos os seres humanos e até os animais. A prática desses cinco valores humanos nos permite viver em harmonia como uma família global, vendo unidade em meio à diversidade e vivendo em alegria e paz – onde quer que estejamos. A educação verdadeira, diz Baba, é a prática desses valores humanos, os quais são inerentes a todos nós. Educare nos auxilia a realçar e manifestar esses valores humanos inatos.


Educare


Aos 14 anos de idade, Swami deu início ao Seu programa Educare, ao nos ensinar Seu primeiro bhajan: Manasa Bhajare Guru Charanam, Dustara Bhava Sagara Taranam (Ó mente, agarre-se aos pés do Senhor; Ele os levará através do oceano de Samsara e os libertará do ciclo de nascimentos e mortes). Ele deu Sua segunda mensagem de Educare na canção que compôs na casa de Karanam Subbamma: Sathya Dharmamu Santhi Premalatho Nee Nitya Jivana Yatra Saginchu. (Ó homem, trilhe a jornada diária da vida com verdade, retidão, paz e amor). Esta canção em télugo tem nove versos que resumem a essência do Vedanta e a mensagem da Educação em Valores Humanos de Sri Sathya Sai.


Os cinco valores humanos, que constituem a base de todos os projetos de serviço humanitário da Divina Missão de Sri Sathya Sai Baba, tocaram corações e transformaram milhões de vidas. Baseado nesta filosofia, Baba deu início a instituições médicas onde os Cuidados Ideais de Saúde Sathya Sai são oferecidos aos necessitados. Aqui, profissionais de saúde prestam atendimento gratuito, atencioso, abrangente e moderno, com amor e compaixão. Swami também deu início a muitos projetos de serviço humanitário que incluíram o fornecimento de água potável, alimentação, abrigo e vestimenta a milhões, em várias partes do mundo.

Instituições de Ensino Sathya Sai – Universidade 


Bhagavan Baba fundou instituições de ensino que oferecem educação desde a escola primária até o doutorado, nas quais a ênfase não está só na excelência acadêmica, mas também na pureza de caráter. Baba insiste em dizer que a educação é para a vida, em vez de servir apenas como meio de sustento. Ele diz: “A essência da educação é a concentração, a conclusão da educação é o caráter, o propósito da educação é servir à humanidade e a meta da educação é reconhecer a própria divindade inata”.


Muitas instituições de ensino Sathya Sai foram fundadas e guiadas por Bhagavan. A primeira faculdade criada por Swami foi o Colégio para Mulheres de Anantapur em 1968, seguido por muitas outras instituições em Brindavan e em Prasanthi Nilayam. Essas instituições são brilhantes exemplos de educação integral – uma combinação de educação secular e espiritual.
Em Seu Discurso de Formatura, em 22 de novembro de 2006, o então Presidente da Índia, Dr. Abdul Kalam, mencionou que há milhões de graduados em milhares de universidades por todo o mundo. No entanto, as poucas centenas de estudantes que estão se formando na Universidade de Sri Sathya Sai são os faróis, os portadores da chama da Educação Sathya Sai em Valores Humanos. Ele também destacou que esses estudantes são a esperança para toda a humanidade e cidadãos exemplares para o mundo.


Essa abordagem está de acordo com os ensinamentos da Mundaka Upanishad, que convida o indivíduo a aprender tanto Apara Vidya (conhecimento material) quanto Para Vidya (educação espiritual), pois a educação completa é uma combinação de conhecimento material e educação espiritual – assim como as duas asas de um pássaro. O Senhor Krishna diz na Bhagavadgita: Adhyatma Vidya Vidyanam – de todos os tipos de conhecimento, Eu sou o supremo conhecimento do Ser. As escrituras proclamam: Sa Vidya Ya Vimuktaye – a verdadeira educação é aquela que libera. O aspecto espiritual da educação é, então, muito importante.

 

Inspiradas pelos programas educativos de Sri Sathya Sai na Índia, as Organizações Sathya Sai da Índia e de todo o mundo vêm disseminando a Mensagem de Swami sobre educação através dos Institutos Sathya Sai de Educação (ISSE), dos programas de Educação Sathya Sai em Valores Humanos (ESSVH), Escolas Sathya Sai e Programas de Educação Espiritual Sai (EES).

Escolas Sathya Sai 


Existem 44 Escolas Sathya Sai espalhadas pelo mundo, além de uma centena na Índia. Nelas, do mesmo jeito que na Universidade Sathya Sai fundada e mantida por Bhagavan, a ênfase está na educação integral, tanto para excelência acadêmica quanto para formar cidadãos exemplares, capazes de servir às suas comunidades e à sociedade. Essas Escolas Sathya Sai têm apresentado um desempenho excelente e vêm sendo reconhecidas tanto pela comunidade local quanto por autoridades governamentais. Por exemplo, a Escola Sathya Sai do Canadá, que oferece excelente educação baseada em valores, foi reconhecida por muitos anos, pelo Instituto Fraser, como uma das melhores escolas da província de Ontario, Canadá. Do mesmo modo, Escolas Sathya Sai na América Latina e África têm sido reconhecidas pelas comunidades onde estão e pelos governos. Em 2019, a Escola Sathya Sai do Zâmbia ganhou o Prêmio Nacional de Ortografia, tanto no nível Primário quanto no Secundário. A Escola Sathya Sai de Uthiru, Nairóbi, recebeu comendas do Ministério da Educação em 2017 e 2018, por manter consistência no nível elevado de aprendizado de seus estudantes. Nessas escolas a ênfase está em incorporar ensinamentos de Swami sobre como viver de forma exemplar, através de serviço amoroso e dedicado à comunidade, em adição às conquistas acadêmicas.

Escola Sathya Sai, Canada.

Escola Sathya Sai, Brasil.

Institutos Sathya Sai de Educação (ISSE)


Existem 31 ISSE oferecendo educação baseada em valores a vários segmentos da sociedade e treinando professores. O ISSE da Tailândia já treinou cerca de cinquenta mil professores. Esses institutos desempenham importante papel no treinamento de educadores e autoridades governamentais. Por exemplo, o Governo de El Salvador e de outros países tem convidado os ISSE para treinar seus professores e outros profissionais, com o objetivo de integrar valores humanos em suas vidas pessoais e profissionais.

Instituto Sathya Sai de Educação, Porto Rico.

Programa Sathya Sai de Educação em Valores Humanos (PSSEVH)


Os programas SSEVH são ministrados em salas de aula, em comunidades, locais de trabalho e em escolas e faculdades, influenciando vidas de pessoas em todas as áreas de atuação: jurídica, educativa, saúde, militar, policial, científica, comercial, empresarial e política – para citar alguns exemplos. Como Swami disse, com muita beleza: “Política sem princípios, educação sem caráter, ciência sem humanidade e comércio sem moralidade não apenas são inúteis como são positivamente perigosos.”


Esses programas também são bem recebidos em países como Taiwan, China e Cazaquistão, onde universidades e governos responderam positivamente aos PSSEVH. Eu tive a boa sorte de me dirigir a cerca de mil educadores e administradores em San Luis Potosi, México, os quais mostraram um grande interesse na ESSVH. Em todo o mundo, há mais de 300 projetos, com mais de 2000 professores de ESSVH, beneficiando mais de 100 mil pessoas.


Swami enfatizou que a Educação em Valores Humanos – EVH é 3HV (3 valores “H”), consistindo na união entre a Cabeça, o Coração e a Mão (3H= Head, Heart, Hand em inglês). É possuir a cabeça de Adi Sankara (sabedoria), o coração do Buda (amor e compaixão) e as mãos de Janaka (serviço altruísta).

Programa de Educação em Valores Humanos Sathya Sai, no Cazaquistão.

Bal Vikas (Educação Espiritual Sai)


Swami nos convida a iniciar a prática desses valores humanos desde cedo em nossas vidas e seguir adiante com perseverança e paciência até que nos conscientizemos de nossa divindade inata. Para este fim, Bhagavan deu início ao movimento Bal Vikas em 1969. Subsequentemente, ele se tornou uma parte importante da Organização Sathya Sai, atendendo ao Seu divino comando. Swami deu enorme importância ao movimento Bal Vikas e disse que o próprio nome implica no florescimento da excelência humana. Este movimento, que se espalhou pelo mundo todo, é conhecido atualmente como Educação Espiritual Sai (EES) fora da Índia. Embora o nome tenha mudado, a meta original é a busca da verdade conforme o Senhor Sai ensinou e permanece inalterada.


Nas últimas cinco décadas, o movimento EES, na Índia e em muitos outros países, tem transformado o caráter das crianças, tornando-as cidadãos exemplares e líderes nobres, promovendo assim a unidade, paz e harmonia global. Pais, professores e estudantes dedicados desempenham um papel fundamental neste movimento. A Organização Internacional Sathya Sai, à qual Ele emprestou Seu sagrado nome, serve à humanidade em cerca de 120 países e tem mais de 1800 Centros e Grupos Sathya Sai. Os membros estudam e praticam os ensinamentos de Sathya Sai sobre valores humanos e muitos Centros Sathya Sai em todo o mundo possuem programas ativos de EES.


Todos os programas de Educação Sathya Sai envolvem a participação ativa do estudante ideal, do professor ideal e dos pais ideais – os três pilares de todos os programas educativos.


Professor Ideal 


 Há um laço de amor puro entre professores e alunos. Os estudantes podem conquistar o coração de qualquer professor e este pode cativar o coração dos alunos. Se você quer ser amado precisa amar os demais em primeiro lugar.

– Sathya Sai Baba, 21 de novembro de 2001
 

Baba insiste em que o papel do professor é muito importante, já que um único mau professor pode estragar milhares de estudantes, ao passo que um mau estudante só pode fazer mal a si mesmo. Swami compara o professor a um grande reservatório de água e os estudantes, a torneiras ligadas a ele. Se esse tanque estiver cheio de água pura, cada torneira entregará água pura. Porém, se estiver cheio de água suja, as torneiras só entregarão água suja. Do mesmo modo, se o professor estiver cheio de amor e compaixão, os estudantes também exibirão essas qualidades; do contrário, se o professor estiver repleto de qualidades negativas, seus estudantes também as exibirão. Sendo assim, é importante que os professores possuam um caráter nobre e exemplar. Ele diz que um professor ideal ensina com amor, apenas pelo amor. Seguindo Seu exemplo, professores das Escolas Sathya Sai têm inspirado muitos alunos com seu amor e dedicação.


O professor deve ser exemplo dos ensinamentos de Swami. Ele diz que há três tipos de professor: aquele que reclama, o que explica e o que inspira. Há professores que reclamam dos estudantes e das instalações; em seguida, temos aqueles que se limitam a explicar, mas não praticam o que ensinam; e há os professores que inspiram os estudantes por suas vidas exemplares. Swami espera que todos os professores sejam modelos na prática dos valores humanos. Somos afortunados por ter Bhagavan Baba em Pessoa como nosso Divino Mestre Universal, que nos guia a cada passo na direção da Autorrealização, que é a meta final da educação e da própria vida.


Pais Ideais


Tudo que os pais disserem aos seus filhos para fazer, devem eles fazer o mesmo. Só então seus filhos serão bons.

– Sathya Sai Baba, 21 de julho de 2008


A maioria dos alunos de EES passa uma ou duas horas apenas em sala de aula, enquanto passam muitas horas em casa. Por isso é importante que os pais apoiem, incentivem e reiterem os valores humanos aprendidos em classe, quando seus filhos estiverem em casa. Os pais devem também apoiar ativamente os programas de EES com seu comparecimento e suas contribuições. É digno de nota que Bhagavan começou o movimento Bal Vikas nas casas de devotos. Swami diz que a mãe é o primeiro professor e, em Seus Divinos Discursos, Swami sempre fala sobre as mães do Senhor Rama, de Shivaji, Ghandiji e da Sua própria mãe. Todas elas foram mães ideais, que deram ao mundo líderes exemplares e nobres filhos, que inspiraram milhões de pessoas.


Estudante Ideal


Os pais lhes deram a vida. São os responsáveis pelo seu nascimento. Então, devem amá-los de todo o coração, sob todas as circunstâncias. Vocês precisam reconhecer a verdade de que, em primeiro lugar, sua mãe é Deus e, depois, seu pai também o é; e eles os protegem constantemente. De que servem suas conquistas na vida se esquecem das próprias personificações da divindade (que são seu pai e sua mãe) que estão bem diante de vocês?

– Sathya Sai Baba, 13 de agosto de 2006


O terceiro aspecto importante da educação é o papel do estudante. Bhagavan diz que a educação confere humildade e o Senhor derrama Sua graça sobre os humildes. Pais e professores devem ensinar os estudantes a viver de forma simples, com humildade, e enfatizar a prática das lições que aprenderam em classe. Swami insiste em que se fale de forma suave e doce e se observe silêncio como uma prática espiritual – já que a voz de Deus só pode ser ouvida na profundidade do silêncio. Ele exorta os estudantes a tratar seus pais e mestres com amor e respeito. Em consonância com isto, a OISS deu início ao programa Honrar Nossos Pais Diariamente (em inglês: Honour Our Parents Everyday = H.O.P.E – que também significa “esperança”); programa que vem sendo implementado em vários países por todo o mundo.
 

É de conhecimento geral que os estudantes de hoje em dia estão viciados em dispositivos eletrônicos, jogos e engenhocas, desperdiçando tempo e energia valiosos. Este abuso digital se tornou um dos maiores obstáculos ao progresso espiritual de crianças e adolescentes. Crianças e jovens precisam de orientação e supervisão adequada por parte de pais e mestres, no tocante ao uso adequado de dispositivos eletrônicos. Bhagavan dá ênfase ao “limite aos desejos” como prática espiritual. Em lugar de satisfazer os sentidos voltados para fora e os prazeres materiais, Baba quer que os estudantes se voltem para dentro de si. Em vez de navegar na Internet, Ele nos aconselha a nos conectar com a “Innernet” – o caminho interior e santificar nossas faculdades mentais.


Bhagavan encoraja os alunos e membros de Suas instituições de ensino, e membros da Organização Sathya Sai, a participar ativamente do serviço altruísta aos necessitados, a fim de que se tornem bons cidadãos e alcancem pureza em todos os aspectos. Por esta razão, as atividades de serviço devem merecer a devida atenção da Educação Sathya Sai.


Educare – Caminho para a Felicidade
 

O homem não consegue ser feliz por que está aprisionado pela busca de objetivos materiais e desfrutes para os sentidos. Todos nós estamos presos nesta rede mundial: riqueza, riqueza, riqueza (www: wealth, wealth, wealth – em inglês). Para escapar desta escravidão causadora de sofrimento e dor, Swami nos mostrou a saída, que também é www (work, worship, wisdom): trabalho, adoração e sabedoria. Trabalho é Karma Yoga (serviço altruísta), adoração é Bhakti Yoga (caminho do amor) e sabedoria é Jñana Yoga (caminho da autoinvestigação). O nome SAI conota essas três yogas: S para Serviço (Karma Yoga), A como Adoração (Bhakti Yoga) e I como Iluminação (Jñana Yoga). A Organização Internacional Sathya Sai, que tem Seu sagrado nome, integra esses três caminhos através das áreas de serviço, devoção e educação, para a elevação da humanidade.


Bhagavan Sri Sathya Sai Baba tem enfatizado que a educação deveria nos levar a reconhecer nossa divindade inata e experimentar felicidade. A Taittiriya Upanishad nos conta um belo incidente, no Capítulo Bhriguvalli, em que Bhrigu, o discípulo, procura seu Guru, Varuna, para saber como alcançar o mais elevado conhecimento e felicidade. O Guru o instrui a estudar intensamente e executar austeridades. Ele pratica essas lições fielmente, mas falha repetidamente, detendo-se em vários níveis - no Annamaya Kosha (envoltório corporal); no Pranamaya Kosha (envoltório da energia vital); no Manomaya Kosha (envoltório mental); no Vijnamaya Kosha (envoltório do intelecto). Finalmente, após esforços intensos, ele reconhece o Anandamaya Kosha (o envoltório da bem-aventurança). Tendo alcançado este nível, ele se fundiu com a verdade final que constitui a meta da vida humana – a Autorrealização. Swami diz que todos nós somos Amrutaysa Putraha (filhos da imortalidade) e somos merecedores desse título supremo.


Eu oro a Bhagavan Sri Sathya Sai Baba para que nos abençoe com determinação, discernimento e dedicação, a fim de que possamos seguir Seus ensinamentos sobre educação e sigamos em frente até alcançar o summum bonum da vida.


– O autor, Dr. Narendranath Reddy, é o Presidente da Organização Internacional Sathya Sai.

© © 2016-2019 Organização Internacional Sathya Sai do Brasil. Todos os direitos reservados.